BLOGAGEM COLETIVA - DIA DA NÃO VIOLÊNCIA
 
(organizada por Lino Resende)
 
 
seria relativamente fácil criar um texto falando sobre a paz, tão necessário neste mundo caótico em que vivemos. Mas como isso será feito pela maioria dos blogueiros que participarão desta blogagem coletiva, pensei na importância de cultivarmos a paz dentro de nós mesmos, procurando viver dentro dos preceitos de amor e respeito ao próximo. Porisso coloco, abaixo, belo texto e poema de Emmanuel, psicografados pelo grande Francisco Cândido Xavier.
 
 
Obs.: desculpem, mas precisei dividir este post em três partes, pois o UOL não aceitava em uma, nem em duas partes... coisas de provedor.
 
segue abaixo...


 Zeca07 - 21h27
[   ]




2ª parte da Blogagem Coletiva

 

SUGESTÕES DE PAZ - Emmanuel
 
 
I - Aceita, na Terra, a existência que a Divina Sabedoria te confiou, mantendo-te na atitude do cultivador que se consagra sinceramente ao trato de solo que lhe cabe lavrar.
 
II - Quando e quanto se te faça possível, auxilia aos companheiros de experiência, sem absorver-lhes as responsabilidades.
 
III - Se alguns daqueles que te compartilham a paisagem se mostrarem desinteressados, quanto as obrigações que lhes competem ou se desorganizarem as tarefas que lhes dizem respeito, ajuda-os no reajuste desejável, sem tisnar-lhes o livre arbítrio, mas não te lamentes se não conseguires fazer isso, de vez que todos responderemos pelos nossos próprios encargos.
 
IV - Ama aos familiares e aos entes queridos sem vinculá-los a qualquer exigência e sejamos agradecidos aos que nos estendam compreensão e bondade.
 
V - Não aspires a retificar apressadamente os outros, quando os consideres errados, segundo os teus pontos de vista, porque também nós, quando em erro, nem sempre admitimos corrigendas imediatas.
 
VI - Quando ofensas te espancarem o coração, esquece todo mal, recordando quantas vezes teremos ferido impensadamente aos outros e não conserves mágoas que te envenenariam a vida.
 
VII - Não imponhas o teu ideal de felicidade àqueles que estimas, de vez que a felicidade das criaturas varia sempre conforme o degrau evolutivo em que se encontrem.
 
continua abaixo...


 Zeca07 - 21h24
[   ]




3ª e última parte da Blogagem Coletiva

VIII - Diante de opiniões alheias, respeita no próximo o direito de emití-las conquanto nem sempre te sintas no dever de adotá-las, reconhecendo que os pensamentos de nossos vizinhos podem ser diferentes dos nossos.
 
IX - Em matéria de , procura acatar o modo pelo qual esse ou aquele irmão se coloca à busca de Deus, porque, se para cada cidade terrestre dispomos de trilhas numerosas, imagina quantas vias de acesso existirão para o acesso aos Lugares Divinos.
 
X - Administra com equilíbrio e abnegação os bens materiais e espirituais que a Eterna Bondade te situou nas mãos, entretanto, não olvides que a tua permanência na terra guarda por objetivo essencial, acima de tudo, ensinar-te a ser um Espírito Sublimado para a Verdadeira Vida, além da morte, e que, um dia, partirás do mundo, carregando contigo unicamente os valores que houveres entesourado dentro de ti.
 
XI - Quanto puderes, como puderes e onde puderes, guardando a consciência tranqüila, trabalha servindo sempre.
 
XII - Assim agindo, ainda que não percebas, desde agora, estarás, imperturbavelmente, nos domínios da paz.
 
(do livro "Busca e Acharás", psicog. F.C.Xavier)
 
 
 
Rogativa de Paz
 
Dá-nos, meu Deus, coragem 
Para viver em paz.
 
Não me deixes agir
Contra a bênção da paz.
 
Se o tumulto me cerca,
Guia-me em tua paz.
 
Ensina-me a ser útil
No silêncio da paz.
 
No trabalho a fazer,
Dá-me a força da paz.
 
Em qualquer provação,
Guarde-me em tua paz.
 
Emmanuel
 
 


 Zeca07 - 21h23
[   ]




 

 
BLOGAGEM COLETIVA FALANDO DA PAZ...
 
 
No mesmo dia em que postei o texto anterior, falando da violência em que vivemos, recebí um e-mail do Lino Resende fazendo um convite para participarmos, no dia 30 de janeiro, Dia da Não Violência, de uma blogagem coletiva falando da paz. Bem, melhor ler as próprias palavras desse amigo:

Amigos:

 

A violência tem sido uma constante no nosso dia-a-dia. E isso é tanto verdade para o Brasil – assaltos, tiros, insegurança, seqüestros, etc. – como para várias partes do mundo – veja-se o caso do Iraque, que é emblemático. Mas isso todos sabem.

 

O que talvez não saibam é que no dia 30 de janeiro, a próxima terça-feira, é o Dia da Não Violência. Por acaso, descobri a data e pensei se não seria uma boa oportunidade de fazermos uma blogagem coletiva falando da paz, da necessidade de resolvermos os conflitos e questões de modo pacífico?

 

Acho que vale a pena os blogs e nós blogueiros nos engajarmos nisso. Se todos derem uma pequena contribuição, teremos uma grande mostra de que queremos paz, isso significando, sobretudo, a não violência. Temos vários exemplos de ações não violentas que resultaram, a começar pela independência da Índia, graças à ação de Ghandi.

 

E então, aceitam e topam participar? Se toparem, podem usar o selo que estou anexando, direcionar o post para o meu blog – http://www.linoresende.com.br/blog - para que eu os liste. Mas não deixem de me avisar se forem participar.

 

De qualquer forma, pretendo fazer, no dia 30, um post sobre o assunto. Se contar com o apoio e participações de vocês será muito, muito melhor, mesmo.

 

Um abraço

 

Lino Resende

 

 Eu vou participar. E você?



 Zeca07 - 11h20
[   ]




 

SOBRE A VIOLÊNCIA
 
Dia desses, lendo um texto da Keila, a Loba a respeito da violência, suas palavras calaram fundo, pois na verdade estamos vivendo em meio ao caos, sem nada fazer. Ou sem nada podermos fazer. Ou até mesmo sem nada querermos fazer.
O homem arrasa a natureza, aventura-se no espaço, cria guerras, extingue civilizações, mata crianças, velhos, adultos de fome e de falta de cuidados, rouba, mata, estupra, engana, humilha e tudo permanece como sempre. Estamos caminhando rapidamente para o caos, já instalado em tantas partes do mundo e em franca instalação neste nosso pobre e espoliado país.
Os nossos governantes entregam o poder aos bandidos de colarinho branco, que, insensíveis às dores e sofrimentos do povo, trabalham arduamente para enriquecer e perpetuar a posse do poder. As leis são feitas para atender às necessidades imediatas dos políticos e dos poderosos. E para arrecadar mais e mais impostos dos cidadãos honestos e trabalhadores.
Os presídios chamados de segurança máxima não oferecem segurança nem aos funcionários que deles cuidam. Mas oferecem todo tipo de cuidado e facilidades aos seus ocupantes que deveriam, como criminosos de alta periculosidade, receber o tratamento devido que é a exclusão do convívio com os demais e com a sociedade. E sabemos que não é isso o que acontece. Eles acabam servindo de quartel general de onde os senhores comandam seus subordinados para que cometam mais e mais crimes aquí fora.
As grandes corporações abocanham seus nacos, distribuindo empregos e ao mesmo tempo criando desejos e necessidades que os salários acabam não sendo suficientes para pagar. Criando modas e padrões estéticos que exigem sacrifícios sobre-humanos para serem seguidos, muitas vezes provocando a morte de pessoas que adoecem pelo impulso irresistível de seguí-los.  
Outros grandes bandidos, os traficantes de drogas e de armas, espalham seus tentáculos para todos os lados com as bênçãos da polícia que deveria nos proteger, mas na verdade protege os interesses de seus "benfeitores", os "donos do pedaço".  E a mídia, arrasta-se como verme faminto em busca de notícias que rendam manchetes e, claro, dinheiro. Tragédias como a recente cratera em São Paulo, viram o "prato do dia", consumido avidamente frio, quente, esquentado ou requentado pelas emissoras de tv e rádio e pelos jornais e revistas que sempre encontram um novo ângulo para explorar o sofrimento alheio.
E com isso, o que vemos são notícias de desgraças, catástrofes, acidentes monstruosos e crimes de todos os tipos. Violência sobre violência; verdadeiras aulas para a formação de novos criminosos. Até os desenhos animados, geralmente dirigidos às crianças, mudaram completamente. Dos antigos e inocentes desenhos hoje temos guerras de todos os tipos, monstros incríveis e armas das mais variadas, que produzem todo tipo de violência imagináveis e inimagináveis também.
Em nossas casas, que deveriam ser nossos reinos destinados ao descanso e ao convívio familiar, convivemos com o medo dos horrores da rua, com as grades cada vez mais altas, com os alarmes de todos os tipos e, assim, vamos nos afastando cada vez mais dos nossos vizinhos, amigos e parentes, por medo e precaução. Vivemos aprisionados atrás de nossas grades eletrificadas, cercados por câmaras de circuitos internos de tv e alarmes poderosos. Não podemos mais usar jóias, carros melhores, ou roupas e tênis de marca. Precisamos agir com discrição, tentando passar despercebidos, quase invisíveis. Por medo de sequestros, assaltos, assassinatos. 
Nós somos simples joguetes para uns e outros, ficamos no meio do fogo cruzado, impotentes e temerosos pelas nossas vidas e as dos nossos entes queridos - muitas vezes participantes dessas quadrilhas que comandam e mandam em nossas existências, assumindo o lugar dos deuses. Não sei o que fazer. Não sabemos o que fazer.
Pai, afasta de mim este cálice!
 


 Zeca07 - 16h34
[   ]




 

 

Aos pés do amor
 
O meu amor é tão grande
que supera o próprio sentimento
tornando-se um desejo universal
de domínio sobre tudo e todos
que possa excluir do mundo inteiro
o meu bem mais precioso!
Egoísta na guarda do meu tesouro
me são absolutamente indiferentes
todas as demais criaturas.
 
Odeio teus ardís que transformam
tua fraqueza e a minha força
na tua própria força de sedução
que me mantém enfraquecido
um louco caído aos teus pés.
 


 Zeca07 - 19h36
[   ]




 

LÁGRIMAS ESCORRENDO PELAS JANELAS...
 
Tem sido bastante difícil para mim atualizar estas janelas tão queridas, devido a vários problemas pessoais que venho compartilhando com todos. Tem sido bem difícil também visitar os amigos, sempre tão presentes, com sua atenção, solidariedade, afeto, carinho e palavras para manter em alta o meu astral. Às vezes nem mesmo o astral permite que eu deixe uma mensagem em seus blogs...
 
Também hoje, não posso escrever muito, por estar enfrentando uma fase extremamente angustiante. Estamos sob risco de enchente e, desde a madrugada de quinta feira (dia 4) estou em alerta total, vigiando rios da cidade e amenizando riscos calculados. Continua chovendo sem parar e os rios subiram demais, com alguns pontos já alagados em suas margens. Também temos várias pessoas desabrigadas. E me oprime o coração ver pessoas tão necessitadas de tudo, com aquele ar apalermado e desnorteado de quem acabou de perder o mínimo que tinha. Tão pouca ajuda representa um cobertor usado, algumas roupas e mesmo alguns mantimentos para quem perdeu o teto que lhe conferia alguma mínima dignidade! Tão pouca ajuda são algumas palavras de compaixão ou contidos gestos de ternura! Tão impotente me sinto diante da desgraça dessas pessoas!
 
Ontem, passei o dia todo desmontando minha loja e levando a mercadoria para um local seguro. A adrenalina, o susto, o medo foram o meu alimento. Hoje, após um bom descanso, pois estava há mais de vinte e quatro horas no ar, saímos, a Bernadete, a Sônia e eu, para a inspeção já rotineira e vigiar o céu e suas nuvens ainda muito carregadas. Houve umas três horas de trégua à tarde, com alguns raios de um sol ardido anunciando novas chuvas que já chegaram.
 
Imagine meu estado de espírito, diante da necessidade de, por escolha própria, deixar de faturar um pouco durante três ou quatro dias (e ainda em final de semana!), devido ao risco de uma enchente! Na minha leitura, vejo a angústida da necessidade material (pagar dívidas) ante a necessidade de proteção de um patrimônio.
 
E pela janela, continuo observando as lágrimas do céu escorrendo pelos vidros...
 


 Zeca07 - 00h16
[   ]





  "
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, Homem, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Livros, Cinema e vídeo, Pintura
Outro -
Histórico:
  01/04/2007 a 30/04/2007
  01/03/2007 a 31/03/2007
  01/02/2007 a 28/02/2007
  01/01/2007 a 31/01/2007
  01/12/2006 a 31/12/2006
  01/11/2006 a 30/11/2006
  01/10/2006 a 31/10/2006
  01/09/2006 a 30/09/2006
  01/08/2006 a 31/08/2006
  01/07/2006 a 31/07/2006
  01/06/2006 a 30/06/2006
  01/05/2006 a 31/05/2006
  01/04/2006 a 30/04/2006
  01/03/2006 a 31/03/2006
  01/02/2006 a 28/02/2006
  01/01/2006 a 31/01/2006
  01/12/2005 a 31/12/2005
  01/11/2005 a 30/11/2005
  01/10/2005 a 31/10/2005
  01/09/2005 a 30/09/2005
  01/08/2005 a 31/08/2005
  01/05/2005 a 31/05/2005
  01/03/2005 a 31/03/2005
  01/02/2005 a 28/02/2005
  01/01/2005 a 31/01/2005
  01/12/2004 a 31/12/2004
  01/11/2004 a 30/11/2004
  01/10/2004 a 31/10/2004
  01/09/2004 a 30/09/2004
  01/08/2004 a 31/08/2004
  01/07/2004 a 31/07/2004
  01/06/2004 a 30/06/2004
  01/05/2004 a 31/05/2004


Blogs que leio:
  ÁGUIA SERENA
  ANA
  ANDRESA
  ALF
  BEAGAY
  BRUNA
  CECI
  CLARICE
  CLAUDINHA
  CIGANINHO
  CHERRY
  CRYSTAL
  DE (AGILIZA)
  DO
  DORA
  DRIKA
  ELAYNE
  ELZA
  GIULIA
  GRACE
  HEBE
  INDIANIRA
  JANE I
  JANE II
  JEANETE RUARO
  JÉSSICA
  JÉSSICA II
  JOTA EFFE ESSE
  JU = MEDO DE AVIÃO
  JU = NAVEGANDO
  JULIO CESAR
  KARINE
  KATHY
  KEILA, A LOBA
  KERY
  LANA
  LIANNARA
  LINO RESENDE
  LOBABH
  LOBA/PALIMPNÓIA
  LUCIA MI
  LUZES DA CIDADE
  MAGUI
  MANOEL DONINI
  MÁRCIA(CLARINHA)
  MÁRCIA DO VALLE
  MARCO
  MARILIA
  MARY
  MASCARADOS
  MENSAGENS ESPIRITUAIS
  MESTRA DOS SONHOS
  MEU CARO VINHO
  MC MIGUEL
  MILY
  NANI
  NEY ALEXANDRE
  NORMANDO
  O APANHADOR DE SONHOS
  PLUTO FILHO DA PLUTA
  RAFAEL
  RAINHA DE COPAS
  ROSA
  ROSEMARI (I)
  ROSEMARI (II)
  RUBO JÜNGER
  SANDRA / AMERS
  SANKA
  SARAMAR (I)
  SARAMAR (II)
  SARAMAR (III)
  SERGIO
  SETH
  SIDPIM
  SIMPATIAEESCULACHO
  SONIA
  TANER
  TOM
  VOANDO PELO CÉU DA BOCA


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!


Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com




O que é isto?